A partir de Outubro de 2017, a iniciar o seu 8º ano de existência, o Clube de Leitura em Voz Alta passa a Coro de Leitura em Voz Alta. Continuará a ter uma periodicidade quinzenal e a acontecer na Biblioteca de Alcochete.

Os objectivos continuam a ser os mesmos; promover o prazer da leitura partilhada; a forma passará a ser outra.

2012.06.05 - Aventura


João
Aristides de Sousa Mendes - Um Herói Português (excerto)
de José Alain Fralon

Helena Nogueira
Novos contos da montanha (excerto do conto "Fronteira")
de Miguel Torga

Rita
O macaco gramático (excerto)
de Octavio Paz

Anabela
O diário de um mago (excerto)
de Paulo Coelho

Alexandra
Palavra que Voa
de João Pedro Mésseder
ilustrações de Gémeo Luís

Fernando
A mama - O espelho atormentado
de Russell Edson

Luís
Eu tenho um sonho
A autobiografia de Martin Luther King (excerto)
de Clayborne Carson


Ana Brandão
Aventura
de sua autoria

Qualquer história de vida se transforma numa aventura como se fosse uma viagem que todos temos que fazer, uma viagem pelo nosso interior ou uma viagem pela literatura nos leva através de um labirinto para vários recantos. É então que começamos a olhar para aquilo que nos acontece como desafios à nossa coragem – com isto não quero dizer que todos tenhamos que ser heróis – apenas, que todos temos que fazer a viagem, que todos temos que viver a nossa aventura, onde partilhamos, recebemos e acreditamos que seremos capazes de encontrar a saída do labirinto.

Miguel
A casa grande de Romarigães (excerto também incluído no livro de Miguel Boieiro "As plantas, nossas irmãs")
de Aquilino Ribeiro

Cíntia
A última viagem de Colombo
de Martin Dugard

António
Ode Marítima (excerto)
de Álvaro de Campos

Conceição e Manuel Aguiar
Uma aventura no reino do coelhinho
de sua autoria

ELA – «Uma Aventura no Reino do Coelhinho».
ELE – Era uma vez…
ELA – Assim começam todas as histórias de encantar.
ELE – E… como não podíamos fugir à regra, esta história      também começa por… Era uma vez.
ELA – Num reino, não muito distante…
ELE – Com vista para o mar…
ELA – Com sol e belas praias…
ELE – E encantadoras sereias espraiando-se no Verão.
ELA – Os coelhinhos iam vivendo alegres e contentes.
ELE – Com sorrisos fascinantes de orelha a orelha.
ELA – Com uma alegria e um viver…
ELE – De provocar inveja aos reinos vizinhos…
ELA – Pois claro… Bons tachos e boas mordomias…
ELE – Só podem gerar cobiças e ciúmes.
ELA – Vai daí…
ELE – Os caçadores vieram como abutres.
ELA – Atacaram pela calada…
ELE – E… Zás… Catrapus…
ELA – Vieram chupar o sangue fresco da manada…
ELE – Os vampiros são mesmo assim…
ELA – Pobres coelhinhos…
ELE – A comida começou a faltar…
ELA – Não chegava para todos…
ELE – Uns fartaram-se de viver…
ELA – Aniquilaram-se…
ELE - Suicidaram-se… 
ELA – O Sol deixou de brilhar para muitos…
ELE – A alegria de outrora…
ELA – Definhava-se… definhava-se…
ELE – Os sorrisos de orelha a orelha…
ELA – Deram lugar às expressões macambúzias…
ELE – O pai coelho, cioso do seu reino, começou a andar preocupado.
ELA – Então… pensou… pensou…
ELE – A cabeça já estava a tornar-se num melão.
ELA – Foi então que uma ideia brilhante…
ELE – Resplandeceu na sua mente…
ELA – É que…
ELE – Parecendo que não…
ELA – Os coelhos também têm ideias luminosas!
ELE – Meus caros coelhinhos!
ELA – Podereis procurar comidinha nos reinos vizinhos!
ELE – Como sabeis… A comidinha neste reino está a escassear…
ELA – A que existe é só para filhos…
ELE – E afilhados!
ELA – Além de que…
ELE – Podereis ser perigosos…
ELA – Sabeis de mais…
ELE – E podereis provocar distúrbios…
ELA – O que não convém nada para a paz no reino…
ELE – Sendo assim… vamos também nós para outro reino.
ELA – Então somos forçados a terminar a nossa história.
ELE – Adeus… e que o Sol brilhe para todos!


O Principezinho de Antoine de Saint-Exupéry por Helena Barros

Cândida
leu um texto de sua autoria a partir de um outro de Enid Blyton

Adília
Inês da minha alma (excertos)
de Isabel Allende

Antónia
O castelo de Carter (excerto)
de Wilbur Wright

Marília
Onde vivem os monstros
de Maurice Sendak


Ana Paula
A estrada para o Gabão de "Tournée"
de Gonçalo Cadilhe


Helena Barros
Ulisses
de Maria Alberta Menéres

José Luís
O Principezinho
de Antoine de Saint-Exupéry

Cristina
Caminante...
de Antonio Machado

como "quase" sempre acabámos a comer

desta vez a Cristina aventurou-se a fazer brigadeiros

faltavam cromos à caderneta:





Sem comentários:

Enviar um comentário

O que é, como funciona e regras básicas

O que é o CLeVA? Clube de Leitura em Voz Alta de Alcochete. Um grupo de pessoas que se reúne quinzenalmente, na Biblioteca de Alco...