A temporada de 2020-2021 foi cancelada na sequência da pandemia Covid-19.

Foi com grande tristeza que nos vimos forçados a tomar esta decisão, motivada pelo perigo de propagação da doença provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) e em nome da segurança e do bem-estar de todos os participantes.

A existência de um coro, como o CLeVA, não se coaduna com as regras de distância preconizadas como medida importante de redução da transmissão de covid-19. Ter várias pessoas juntas, a ler em voz alta, é criar um ambiente confortável à propagação do novo coronavírus se, entre elas, houver um caso positivo.

Voltaremos a avaliar a situação em meados de 2021 e então decidiremos se será possível retomar a actividade normal.


O Clube de Leitura em Voz Alta é agora Coro de Leitura em Voz Alta. Tem normalmente um periodicidade quinzenal e acontece na Biblioteca de Alcochete.

Os objectivos continuam a ser os mesmos; promover o prazer da leitura partilhada; a forma passou a ser outra.

algumas sugestões para os próximos dias

27 junho

Poesia de Sabores de Luís Assis
Poesia de Sabores (palavras à hora de jantar) é uma animação poética à volta das questões da gastronomia e dos sabores.
Seguindo a estrutura de uma ementa tradicional, tem por objectivo seduzir os clientes do restaurante Charcutaria Francesa a desfrutar de um jantar diferente, com uma selecção de breves textos de Alexandre O’Neill, Almeida Garrett, Pablo Neruda, Bocage, Eugénio de Andrade, Yvete K. Centeno, Camões, Herberto Helder, Mário-Henrique Leiria, entre outros.

Poesia de Sabores (palavras à hora de jantar) tem a sua primeira apresentação já no dia 27 de Maio de 2011… à hora do jantar, claro.

27 junho

Lisboa tem Histórias…de Luísa Rebelo e António Gouveia
Este mês, no cacharolete de contos dos Contabandistas

O calor continua, e as noites quentes pedem amor… que a Luísa e o António nos vão trazer com É isto o amor? Histórias que nos levam a passear por muitas e diferentes formas de amar. Contam e, apesar das
nossas tentativas para que desistissem da ideia, até cantam!

Mas a noite traz outras surpresas, com a guitarra cheia de swing de Darian, o samba maneiro e matreiro do Janeca, a poesia do Arthur, as canções de amor de Chico Buarque da Ana Sofia e da Cláudia, tudo gente que sabe muito do que faz e que ficarão a conhecer lá!

Ouvimos dizer também que Thomas Bakk e Miguel Horta virão fazer uma visita e tomar uns copos. Será?
Sexta, dia 27, a partir das 21h48. 
A entrada é livre (por enquanto!)
O Espaço SOU Movimento e Arte fica na Rua Maria, nº 73 (à Forno do Tijolo, Anjos).


 e ainda:

a partir de 15 de Junho Festival do silêncio



25 e 26 de junho
Festival Internacional Histórias de Ida e Volta (programa)
Fábrica da Pólvora, Oeiras
onde a Andante estreará o seu Poesia à la carte








todos os sábados de julho e 1º sábado de agosto
Em cena no convento de Mafra
Espectáculo Memorial do convento

1 comentário:

  1. e porque há fins de semana que são de fartura, também esta sexta-feira em Setúbal há música e poesia no festival de música de Setúbal.

    O agrupamento La Batalla de Pedro Caldeira Cabral, apresenta poemas e música de D. Dinis (1261-1325), D. Afonso X (1221-1284), D. Sancho I (1154-1212), D. João Peres D’Avoim (1213-1285), Joam Zorro (fl.c.1240-1270), Estevam da Guarda (c.1280-1364) e Pero de Viviães (século XIII).

    Bilhetes a €10, mas não sei se será preciso reservar.

    ResponderEliminar