A temporada de 2020-2021 foi cancelada na sequência da pandemia Covid-19.

Foi com grande tristeza que nos vimos forçados a tomar esta decisão, motivada pelo perigo de propagação da doença provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) e em nome da segurança e do bem-estar de todos os participantes.

A existência de um coro, como o CLeVA, não se coaduna com as regras de distância preconizadas como medida importante de redução da transmissão de covid-19. Ter várias pessoas juntas, a ler em voz alta, é criar um ambiente confortável à propagação do novo coronavírus se, entre elas, houver um caso positivo.

Voltaremos a avaliar a situação em meados de 2021 e então decidiremos se será possível retomar a actividade normal.


O Clube de Leitura em Voz Alta é agora Coro de Leitura em Voz Alta. Tem normalmente um periodicidade quinzenal e acontece na Biblioteca de Alcochete.

Os objectivos continuam a ser os mesmos; promover o prazer da leitura partilhada; a forma passou a ser outra.

30 de novembro - Humor





a Mariana leu excertos de 






a Helena Policarpo leu:

O esqueleto alado
de
Francisco Eugénio dos Santos Tavares

e

A uma horizontal
de
Gomes leal








o António leu

Manifesto Anti-Dantas de
Almada Negreiros

aqui fica a versão de Mário Viegas

Parte I
Parte II









a propósito do recente 80º aniversário de
Herberto Helder, o Carlos Morgado
sugeriu-nos a leitura de "Os passos em volta"

 
E porque precisamente hoje passaram 75 anos da morte de Fernando Pessoa,
o Carlos leu-nos "Ai, Margarida" e "O binómio de Newton" de Álvaro de Campos








 a Virgínia leu-nos um excerto da


de Vitor J. Rodrigues










a Isabel e o João

recriaram a famosa cena 

do Herman José 
(desculpem, não resisti, eu estava lá) fernando












o Augusto leu-nos um excerto de 


de Nuno Markl













A Teresa e a Lena leram uma versão especial da história da Gata Borralheira, do livro 








A Lena leu um excerto de 











 

o Fernando leu 


do livro "O espelho atormentado








a Cristina resolveu matar dois coelhos de uma cajadada (pobres animais), e, uma vez que não pôde estar presente na sessão dedicada ao Fado, presenteou-nos com o "Fado da Má memória", uma adaptação livre de Rui Paulo do poema 
La mauvaise mémoire I, II, III, IV
de Boris Vian, para o espectáculo da Andante, "Amnésia"









a Alexandra voltou a ler-nos um 

excerto de "A cidade e as serras










a Alexandra Ferreira trouxe para esta sessão uma crónica do 













por fim a Cecília leu-nos:

Risoterapia 

da Dra. Risadinha

2 comentários:

  1. Espectacular. Isto é que é um registo a sério. Não falha aqui nada. Muitos parabéns :)
    Ainda chorei a rir com o Herman
    Cristina

    ResponderEliminar
  2. Então agora até tenho uma filmagem!!!
    Nice!
    Neste blogue, pode uma pessoa perder-se, com tanto link giro para visitar, com tantas ideias...
    Bem, bem!
    Ainda bem que há quem faça blogues e que os faça tão bem feitos.
    Beijos a todos
    Cristina

    ResponderEliminar